Desalienar o bem

Enquanto não é contemplado, o consorciado está na condição de credor em relação à administradora. Depois de contemplado e com o bem em mãos (ou um serviço executado), ele passa a ser devedor. Por isso, a administradora precisa de uma garantia até que seu saldo seja completamente quitado.

Quando todos os compromissos entre consorciado e administradora chegam ao fim, ou seja, quando o consorciado está de posse de seu bem (ou serviço executado) e seu saldo está quitado, não tem mais sentido ter qualquer vínculo de garantia com a administradora.

Nesse momento, é preciso solicitar a liberação de sua garantia ao Detran (se veículo) ou Cartório (se imóvel). Para tanto, basta que o consorciado solicite a desalienação à administradora para receber as orientações necessárias.

Para facilitar esse processo, preencha o formulário abaixo e aguarde o contato da VKN:

Formulário de Solicitação de Desalienação